terça-feira, 1 de outubro de 2013

Qual é a dos "Black Blocks?

Os tais Black Blocks, que insistem em esconder a cara, estão realmente mais para nazi-fascistas do que para protestantes por mudança de alguma coisa ou até mesmo anarquistas. É inadmissível grupos irem às ruas "protestar só por protestar". Se auto-intitularem como manifestantes, fazerem suas manifestações, particular ou coletiva, escondendo o rosto, se dizendo apartidários e com "picolés" e placas onde se lê "não queremos partido". Tem alguma coisa de Ku-Klux-Kan, pois quem não mostra a cara, está escondendo alguma coisa.
Querem o que, afinal?  Pelo que se entende, somente afrontar a todos, talvez por um instinto juvenil de completa irresponsabilidade.
A livre manifestação, democrática, reivindicatória, deve ser até  incentivada e aplaudida. Todos têm direito a revindicar, independente de qual seja sua categoria. Hoje, até as categoria mais burguesas e conservadoras pegaram a onda e estão protestando, como diria o Raúl Seixas em uma de suas músicas.
Mas o tais Black Blocks parecem mais membros de organizações de extrema direita, que escondem o rosto e fazem todo tipo de arruaça, esquecendo que o protesto deve ser organizado, dirigido, não importando se por partidos políticos ou não, mas que devem ter uma organização, uma direção, pois todo protesto deve se politizado, para mostrar que os que estão protestando querem mudar alguma coisa, criar algo, reivindicar melhorias para determinados setores.

Um comentário:

  1. Sobre os Black Blocks eu fiz uma análise. Se puderem vejam:


    http://www.orbenon.blogspot.com.br/2013/10/normal-0-21-false-false-false-pt-br-x.html

    ResponderExcluir